No dia 30 de março de 2016, membros da Motirõ Sociedade Cooperativa e associados da Associação dos Produtores Rurais do Município de Paranaguá - APRUMPAR realizaram no barracão da Igreja Maria Luiza a primeira Reunião de Planejamento para a Caminhada na Natureza – Circuito Serra da Prata que acontecerá no dia 24 de julho de 2016. Para a condução deste encontro, a equipe Motirõ realizou um estudo baseado na metodologia do Laboratório de Mudanças que teve como objetivo reconhecer a experiência da 1ª Caminhada na Natureza que aconteceu no dia 26 de julho de 2015, afim de levantar os principais problemas a serem superados para a realização da Caminhada deste ano.

A experiência da última Caminhada na Natureza foi retratada através de apresentação em power point, onde pudemos visualizar o decorrer de sua organização prévia; o dia da Caminhada, e o pós Caminhada na Natureza (avaliação). Contamos com fotos para relembrar estes momentos, e chegamos ao número de 31 atividades para a realização da Caminhada na Natureza (organização prévia) e 2 atividades de avaliação (pós Caminhada). O período desta organização foi de 08 de setembro de 2014 à 08 de dezembro de 2015.

Após a apresentação geral, o grupo foi dividido em 3grupos menores que responderam coletivamente a 5 questões com o intuito de avaliar a Caminhada na Natureza 2015 para melhor organizar a Caminhada na Natureza deste ano.

Para finalizar o Encontro, cada família levou um prato e partilhamos um maravilhoso café com as delícias e sabores da região.

Publicado em Organização Soberana

A Caminhada na Natureza Circuito Serra da Prata em Paranaguá ocorreu no dia 26 de Julho, nas Colônias Rurais do município e contou com a participação de 604 caminhantes inscritos. Segue aqui o site disponibilizado para informar e inscrever os participantes: http://circuitoserradaprata.com.br/

As atividades iniciaram a partir das 7h30min com a realização do credenciamento e a partir das 8h foi disponibilizado o café da manhã, com valor de 8 reais por pessoa, no barracão da Igreja Católica da Colônia Maria Luíza, de onde, também, ocorreu a largada da caminhada às 9h. Na área externa do barracão também havia produtores vendendo produtos locais em barracas. Cerca de 270 cafés da manhã foram servidos. Após o café de manhã foi realizado um aquecimento com os participantes.

No caminho os participantes puderam conhecer as propriedades e os produtos oferecidos por elas, como pães, bolos, bolachas, queijos, picolés, sucos, além de observar a fauna e flora e conhecer uma das cachoeiras mais belas da região. No percurso havia três barracas da organização para carimbar a carteirinha de cada participante.

A volta dos primeiros participantes deu-se aproximadamente ao meio dia, horário em que passou a ser servido o almoço, com valor de 20 reais, no barracão da Igreja. Cerca de 270 almoços foram servidos.

Representantes de institucionais parceiras que ajudaram a organizar a caminhada, como Emater, Funtur, Funcul, Sesc, Anda Brasil, PNSHL, também estiveram presentes.

Equipes de TV e jornais locais estiveram registrando o evento, seguem alguns links com notícias publicadas:

TVCI – Paranaguá: https://www.youtube.com/watch?v=g_6fmGGQOvY

RIC TV – Paraná: http://pr.ricmais.com.br/ric-rural/videos/grupo-faz-caminhada-para-conhecer-as-belezas-da-serra-do-mar/

 

Em resumo, a caminhada na natureza foi um sucesso tanto para os caminhantes que puderam conhecer um pouco mais das belezas do litoral do Paraná, quanto para os agricultores que puderam ter um acrécimento na renda e a conquista de novos clientes. Espera-se que em 2016 o evento traga mais surpresas ao caminhante. 

Publicado em Organização Soberana

Domingo, 26 de julho, ocorreu Caminhada da Natureza – Circuito Serra da Prata, cadastrado pelo ANDABRASIL,Confederação Brasileira de esportes Populares, Caminhada na Natureza e Inclusão Social. O evento foi realizado pela APRUMPAR – Associação de Produtores Rurais de Paranaguá, com o apoio do Projeto Organização Soberana desenvolvido pela Motirõ e com a colaboração de vários parceiros como a SEMAPA – Secretaria Municipal da Agricultura, Pesca e Abastecimento, EMATER – Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural, PNSHL- Parque Nacional Saint-Hilaire/Lange, mas principalmente da comunidade rural das colônias Maria Luiza, Quintilha, Pereira, Santa Cruz, Morro Inglês e São Luiz.

O local de concentração e largada da caminhada se deu na igreja católica da Colônia Maria Luiza, onde foram confirmadas cerca de 500inscrições online e realizadas mais de 200 inscrições no local, ultrapassando o numero de 600 participantes. A comunidade serviu aos participantes um delicioso café da manhã no barracão da igreja. O almoço também não ficou atrás, onde mais ospresentesse deliciaram com os sabores da colonia, ao som ao vivo de um grupo de MPB que criou um belíssimo momento de confraternização.

O trajeto da caminhada partiu da Igreja da colônia Maria Luiza até a propriedade Cachoeira Quintilha, totalizando 9,5 km, ida e volta. Durante o trajeto havia três pontos de carimbo para o passaporte dos caminhantes e também barraquinhas de produtores locais vendendo diversos produtos como queijos, geleias, sorvete, manteiga, conservas, pães, bolos e outros, que foram muito bem recebidos e prestigiados. Ao fim da caminhada os produtores que estavam expondo seus produtos ao longo do caminho se concentraram na frente do barracão onde as vendas continuaram. Estima-se que o evento trouxe uma movimentação financeira de aproximadamente R$ 13.000,00para a região.

O resultado da caminhada foi totalmente positivo para os inscritos e principalmente para todos da organização, pois atingiram o objetivo de envolver a comunidade no desenvolvimento de uma ação que traga visibilidade para as colônias, gerando renda local e principalmente divulgando o potencial turístico e dos produtos dos agricultores de Paranaguá.

Créditos: Caroline Mendonça e Elaine Cunha

Publicado em Organização Soberana

No dia 25 de outubro, aconteceu a 2ª Caminhada da Natureza, realizada no município de Morretes, onde os participantes percorreram o chamado circuito Morumbi, cadastrado pelo ANDABRASIL o circuito possui uma extensão de 12km, segundo a organização caminhada de nível moderado. Para obter maior conhecimento sobre o assunto, alguns participantes do Projeto SAL e agricultores das colônias de Paranaguá participaram dessa caminhada.

As Caminhadas na Natureza, credenciadas pela Federação Internacional dos Esportes Populares, são praticadas em mais de 6000 circuitos, por 16 milhões de caminhadas em 39 países do mundo. A ANDABRASIL, Confederação Brasileira de esportes Populares, Caminhada na Natureza e Inclusão Social é responsável pelo credenciamento, organização e promoção dos circuitos de Caminhada na Natureza nas cinco regiões do Brasil.

A participação da Equipe do projeto SAL e dos agricultores de Paranaguá teve por objetivo observar como é o funcionamento do evento, pois busca-se credenciar um circuito da Caminhada na Natureza nas Colônias de Paranaguá, para atrair visitantes há região.

O evento iniciou as 07:30h com um café  da manhã e  logo após deu início a caminhada, onde passamos por áreas da floresta da Mata Atlântica, propriedades da agricultura familiar da região e outros atrativos como rios e igrejas. No inicio todos receberam um crachá onde no decorrer do caminho havia uma equipe que os carimbava, somando um total de 5 carimbos. No final do circuito o crachá foi entregue para a organização e quem nunca havia participado de Caminhadas na Natureza recebeu uma caderneta de participação, que garante a participação em 10 circuitos de Caminhadas diferentes.

Ao completar estas 10 caminhadas o crachá deve ser enviado ao ANDABRASIL, o participante receberá 1 diploma oficial personalizado da ANDABRASIL-IVV, 1 Pin ANDABRASIL, 1 Bordado ANDABRASIL e 1 Caderneta nova com direito a 20 participações. Os participantes que já possuíam esta caderneta a carimbavam para seu preenchimento. O evento reuniu aproximadamente 600 pessoas, entre crianças, jovens, adultos e idosos. 

Publicado em Projeto SAL