Segunda, 14 Dezembro 2015 13:22

Motirõ acompanha Assembleia Geral Extraordinária da APRUMPAR

Motirõ acompanha Assembleia Geral Extraordinária da APRUMPAR

Se reuniram em assembleia no barracão da colônia Maria Luizaem Paranaguá nos dias 25 de novembro e 14 de dezembro os(as) associados(as) da APRUMPAR, juntamente a seus parceiros dentre eles a Motirõ, a EMATER e a Secretaria Municipal da Agricultura, Pesca e Abastecimento (SEMAPA), afim de debaterem pautas relativas à associação como a prestação de contas, as entregas do PAA e PNAE para o ano vindouro, a construção de seu novo barracão, a eleição da nova diretoria e o convite para visita técnica à Cooperativa Terra Viva no Assentamento Contestado na cidade da Lapa/PR.

A reunião do dia 25 foi iniciada com a prestação de contas, a qual foi organizada pela equipe técnica do Projeto Organização Soberana, acerca da associação referente ao período do primeiro semestre de 2015.Durante a apresentação dos dados financeiros, o coordenador do projeto Organização Soberana apresentou a metodologia que foi utilizada para a sistematização junto à diretoria e ressaltou a necessidade de se formarem novos associados para darem continuidade a este trabalho. Debateu-se também a função dos demais membros da diretoria, ainda mais pelo fato de a cobrança relacionada à prestação de contas geralmente recair somente sobre o(a) presidente. Foi explicada a função do(a) tesoureiro(a) e do(a) secretário(a), todavia salientando-se a importância da participação ativa de cada associado(a) para o sucesso deste empreendimento coletivo que é uma associação. Sobre este tema, ficou acordado que a partir do mês de dezembro será realizada uma prestação de contas mês-a-mês, a fim de capacitar novos associados para a gestão financeira da associação e para manter um acompanhamento mais atualizado referente às contas da associação.

Socializaram-se dados referentes aos programas governamentais que os(as) associados(as) atendem, bem como acerca da loja da APRUMPAR, que atualmente possui débitos referentes a compras realizadas por seus associados, que adquiriram produtos da organização, e que precisam ser pagas. Ficou decidido que após a reestruturação das contas será estudada alguma forma de beneficiarem-se os(as) associados(as) que participam das entregas de merenda escolar (desconto, parcelamento, subsídio, etc).

Na sequência Gustavo, agrônomo da SEMAPA, e Leo, agrônomo da EMATER, repassaram informações de como serão as entregas para o PAA e o PNAE em 2016, afinal muitos ali presentes nunca chegaram a realizar entregas e que passarão a fazê-las no próximo ano. Foram discutidas estratégias para garantir um melhor controle de qualidade dos produtos oferecidos e uma política para o controle de caixas plásticas, que durante o ano de 2015 foram perdidas durante as entregas. Avaliou-se que para o ano de 2016 será enfocada a qualificação do canal de comercialização governamental, de modo que posteriormente possam se utilizar desta experiência para acesso a novos mercados.

O próximo ponto de pauta foi à construção do novo barracão da APRUMPAR, sendo que o atual vice tesoureiro apresentou um breve croqui e os valores que serão gastos para tanto; os(as) associados(as) presentes decidiram pela construção na modalidade de mutirão, onde todos ajudarão com a mão de obra. A data ainda não foi definida, mas a construção deve ocorrer no mês de janeiro, antes do início das entregas para os programas governamentais.

Billidhol fez a entrega dos convites para a visita técnica que será realizada no dia 17 de Dezembro, explicando quais serão as atividades desenvolvidas no dia, tendo como destino a cidade da Lapa-PR, onde será visitada a experiência da Cooperativa Terra Livre no Assentamento Contestado.

Passando para a pauta da eleição da nova diretoria, o atual presidente reforçou a importância de se realizarem novas eleições, tendo como prazo máximo o inicio de janeiro, pois caso contrário a gestão da conta bancária da associação seria travada. O coordenador do projeto aproveitou para ler o estatuto da associação a fim de verificar os procedimentos para o processo eleitoral e os cargos que compõem a diretoria. Como encaminhamento da Assembleia foi acordado entre os(as) presentes que a eleição para a nova diretoria seria no dia 14 de dezembro.

Ao final da Assembleia, dois representantes do Banco do Brasil, pediram espaço para falar e esclarecer dúvidas sobre o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – Pronaf. Enquanto os(as) presentes assinavam a ata da Assembleia, a equipe fez entregas das camisetas e bonés do Projeto Organização Soberana aos(às) participantes que ainda não haviam recebido.

A segunda assembleia do dia 14 de dezembro também aconteceu no barracão da colônia Maria Luiza. O presidente da associação iniciou a sessão passando sua palavra ao coordenador do projeto, que explanou sobre a importância da adoção de novos procedimentos relacionados a gestão financeira. Apresentou novamente as principais responsabilidades dos cargos da diretoria e enfatizou a necessidade da responsabilidade compartilhada sobre a associação entre todos(as) os(as) demais associados para o bom funcionamento e exito da mesma. Posteriormente, apresentou o trabalho de sistematização dos dados financeiros do ano de 2015, realizado em conjunto com os membros da diretoria. Após a apresentação destes dados, os(as) associados(as) levantaram uma discussão sobre a necessidade de se controlarem melhor as vendas a prazo e de se buscar algum instrumento que oriente este tipo de transação, de modo que o pagamento destes débitos sejam assegurados. Foi levantada uma proposta sobre a possibilidade da concessão de uma bonificação aos(às) associados(as) que estão em dia com suas obrigações perante a associação. A diretoria da APRUMPAR, acolheu as solicitações e irá estudar qual a margem de desconto que seria possível conceder aos(às) associados(as) adimplentes.

Em relação ao valor arrecadado no exercício de 2015, foi relatado que o montante auxiliará na construção de um novo barracão para a associação, estrutura esta que é essencial para a melhor organização da comercialização dos produtos locais, assim como para o acondicionamento dos alimentos de forma adequada.

O coordenador do projeto Organização Soberana reforçou o convite para que os(as) associados(as) participassem da visita técnica à Cooperativa Terra Livre devido ao seu exemplo de abordagem comunitária na construção da cooperativa. Além disso, apresentou as atividades realizadas até o momento pelo projeto e falou sobre as ações que estão agendadas para o ano de 2016. Dando sequência iniciou-se o processo eleitoral, com a discussão sobre a eleição de uma nova diretoria. A candidatura se deu de forma voluntária, de modo que cada cargo ficou a disposição para candidatura. Após a candidatura para todos os cargos ser preenchida, foi aberta a votação para a constituição da nova diretoria, que passou a ser composta pelos seguintes membros:

 

  • Presidente-Darci Pereira Liriano

  • Vice-Presidente: Hermes Santana Andrioli

  • Tesoureiro: Guiomar Serafin

  • 2° Tesoureiro: Erwin Gestemberguer

  • Secretária: Vanessa Silveira

  • 2° Secretária: Eurenice Cândido

  • Dir. Patrimônio: José Becker

  • Dir. Programação: Doroti Celestino

  • Dir. Sócio Cultural: João Bonaldi

 

Para a composição do conselho fiscal foram eleitos o sr. José Waldenir da Silveira e a Sra. Viviane Gestemberger. Como principal compromisso, a nova diretoria tem a responsabilidade de conduzir a construção da nova estrutura da associação e ajustar os procedimentos da gestão financeira.

A Motirõ Sociedade Cooperativa felicita a APRUMPAR por sua nova diretoria e lhes deseja sucesso, além de oferecer todo apoio necessário nesse novo ciclo que se inicia!

Avalie este item
(0 votos)
Lido 446 vezes
0 comentários. Dê sua opinião e compartilhe.